Skip to content

Ensino Fundamental Anos Finais

Matrículas 2022: preencha o formulário no final da página e nós entraremos em contato!

Educação que amplia os horizontes

Nos Anos Finais do Ensino Fundamental os estudantes se deparam com desafios mais complexos na apropriação e organização dos conhecimentos relacionados às áreas e no aprofundamento e ampliação de repertórios.

Outro aspecto relevante nesta fase é o fortalecimento da autonomia para que o estudante utilize as ferramentas para acessar e interagir, de forma crítica, com os conhecimentos e fontes de informação.

Neste período de transição da infância para a adolescência, o estudante experimenta mudanças de ordem biológica, psicológica, social e emocional. Os vínculos sociais e os laços afetivos se ampliam, assim como as possibilidades intelectuais e a capacidade de raciocínio abstrato. A percepção do outro e do mundo começa a aparecer no fortalecimento da autonomia e na aquisição dos valores éticos.

A cultura digital tem trazido mudanças significativas nas sociedades contemporâneas. O acesso aos diversos equipamentos favorece o avanço e a multiplicação das tecnologias da informação e da comunicação no ambiente escolar. Os jovens não devem ser vistos como meros consumidores de novas tecnologias, mas como protagonistas da cultura digital. Novas formas de interação escrita alfabética e multimodal emergem pelas redes sociais. Se por um lado constituem possibilidades, por outro corre-se o risco de a referida cultura estimular o apelo emocional, o imediatismo, a superficialidade e a falsidade da informação.Neste contexto de cultura digital, é importante que o colégio incorpore os avanços tecnológicos sem abrir mão da sua finalidade. Cabe a ele desenvolver ações pedagógicas que fortaleçam o uso correto da língua, a capacidade de argumentação, a análise crítica, o exercício da cidadania, a vivência dos princípios democráticos e o fortalecimento dos direitos humanos.

A formação integral do indivíduo e o exercício do diálogo no espaço escolar, permitirão a superação de todas as formas de violência entre as diversas culturas. A violência, em suas múltiplas expressões, tem sido a causa de muitos fracassos escolares. Perceber o estudante como sujeito com histórias e saberes, é um importante passo na formulação de seu projeto de vida que irá se aprofundar no futuro imediato do Ensino Médio.

O Ensino Fundamental, será organizado em Áreas do Conhecimento, com as respectivas competências, a saber:

I- Linguagens:
a) Compreender as linguagens como construção humana, reconhecendo-as e valorizando-as como formas de significação da realidade e expressão de subjetividades e identidades sociais e culturais;
b) Conhecer e explorar diversas práticas de linguagem para continuar aprendendo, ampliar suas possibilidades de participação na vida social e colaborar para a construção de uma sociedade mais justa;
c) Utilizar diferentes linguagens para se expressar e partilhar informações;
d) Utilizar diferentes linguagens para defender pontos de vista;
e) Desenvolver o senso estético para reconhecer, fruir e respeitar as diversas manifestações, bem como participar de práticas diversificadas;
f) Compreender e utilizar tecnologias digitais de informação e comunicação para se comunicar por meio das diferentes linguagens, produzir conhecimentos, resolver problemas e desenvolver projetos autorais e coletivos.

II. Matemática:
a) Reconhecer que a Matemática é uma ciência humana que contribui para solucionar problemas e alicerçar descobertas e construções;
b) Identificar os conhecimentos matemáticos para compreender e atuar no mundo, favorecendo o desenvolvimento do raciocínio lógico, do espírito de investigação e da capacidade de produzir argumentos convincentes;
c) Compreender as relações entre conceitos e procedimentos dos diferentes campos da Matemática (Aritmética, Álgebra, Geometria, Estatística e Probabilidade) desenvolver a capacidade de construir e aplicar conhecimentos matemáticos, desenvolvendo a autoestima e a perseverança na busca de soluções;
d) Fazer observações sistemáticas de aspectos quantitativos e qualitativos para interpretá-las e avaliá-las crítica e eticamente, produzindo argumentos convincentes;
e) Utilizar processos e ferramentas matemáticas para modelar e resolver problemas cotidianos;
f) Enfrentar situações-problema, expressar suas respostas e sintetizar conclusões, utilizando gráficos, tabelas, esquemas, além de texto escrito na língua materna e outras linguagens para descrever algoritmos, como fluxogramas e dados;
g) Agir individual ou cooperativamente com autonomia, responsabilidade e flexibilidade;
h) Interagir com seus pares, de forma cooperativa, no planejamento e desenvolvimento de pesquisas para responder a questionamentos, bem como na busca de soluções para problemas.

III. Ciências da Natureza:
a) Compreender as Ciências da Natureza como empreendimento;
b) Compreender conceitos fundamentais, dominar processos, práticas e procedimentos da investigação científica, continuar aprendendo e colaborar para a construção de uma sociedade justa;
c) Analisar, compreender e explicar características, fenômenos e processos relativos ao mundo exercitando a curiosidade para fazer perguntas, buscar respostas e criar soluções
d) Avaliar aplicações e implicações para propor alternativas aos desafios do mundo contemporâneo;
e) Construir argumentos com base em dados, negociar e defender ideias e pontos de vista acolhendo e valorizando a diversidade de indivíduos;
f) Utilizar diferentes linguagens e tecnologias digitais de informação e comunicação para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos e resolver problemas;
g) Conhecer, apreciar e cuidar de si, do seu corpo e bem-estar, compreendendo-se na diversidade humana, fazendo-se respeitar e respeitando o outro;
h) Agir pessoal e coletivamente com respeito, autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação para tomar decisões frente a questões científico-tecnológicas e socioambientais com base em princípios éticos, democráticos, sustentáveis e solidários.

IV. Ciências Humanas:
a) Compreender a si e ao outro;
b) Analisar o mundo para intervir em situações do cotidiano e se posicionar diante de problemas do mundo contemporâneo;
c) Identificar, comparar e explicar a intervenção do ser humano na natureza e na sociedade propondo ideias e ações voltados para o bem comum;
d. Interpretar e expressar sentimento em relação a si mesmo e aos outros;
e) Comparar eventos ocorridos;
f) Construir argumentos, com base nos conhecimentos das Ciências Humanas, para negociar e defender ideias e opiniões que respeitem e promovam os direitos humanos;
g) Utilizar as linguagens cartográfica, gráfica e iconográfica.
V. Ensino Religioso:
a) Conhecer os aspectos estruturantes das diferentes tradições/movimentos religiosos;
b) Compreender, valorizar e respeitar as manifestações;
c) Reconhecer e cuidar de si e do outro;
d) Conviver com a diversidade de identidades;
e) Analisar as relações entre as tradições religiosas e os campos da cultura
f) Debater, problematizar e posicionar-se frente aos discursos e práticas de intolerância, discriminação e violência, de modo que se assegure assim os direitos humanos no constante exercício da cidadania e da cultura de paz.

Sistema de Ensino

Por meio de uma proposta que busca estabelecer uma base coerente para um processo de aprendizagem progressivo, o FTD Sistema de Ensino, apresenta conteúdos que são adequados à realidade e à necessidade do aluno, com diversas atividades e recursos digitais complementares.

O FTD Sistema de Ensino é nosso aliado no trabalho de agregar valor extra à aprendizagem de nossos alunos.

Excelência educacional e a melhor estrutura.

Excelência em educação desde

2011

Irmã Norma
O Ressurreição Ribeirão Preto investe nos sonhos de cada um, favorecendo a realização deles.
Nelson Mandela
A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo.
Augusto Cury
Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.

Nossa história

O Colégio Ressurreição Ribeirão Preto escreve sua história, fruto de um trabalho iniciado há cinquenta anos pelas irmãs da Ressurreição e no ano de 2021 completaremos 12 anos de um trabalho educacional, nesta cidade tendo como compromisso um trabalho pautado em valores.

A proposta pedagógica consolidada com aulas significativas, provas operatórias e o trabalho com projetos, além de uma equipe de profissionais altamente qualificados e uma área verde privilegiada! Essa é a nossa base para trabalhar com aprendizagens significativas!

A proposta do Colégio Ressurreição promove espaços para manifestação do pensamento, da crítica, da emoção e da imaginação. Muito mais que informar nossa missão é acolher, educar e formar alunos protagonistas, de maneira que se sintam respeitados e felizes em nossa escola!

Nossa missão é realizar uma educação de excelência, de crianças e adolescentes, para o desenvolvimento pleno e integral de suas capacidades e competências, respeitando sua individualidade.

O que os pais e alunos dizem sobre nós

sabrina-mãe-joaquina
Escola acolhedora, tenho o Colégio como a extensão da nossa casa, da nossa família!!!
Sabrina mãe da Joanna do 2ºB anos iniciais
denise-mãe-felipe
"Colégio bem amplo, atendimento humanizado bem familiar, bem arborizado"
Denise - mãe do Felipe
Amplo Colégio, valores familiares e cristãos, perfeito para educar nossos filhos.
Andréa Azevedo mãe do Leandro 6º ano

O espaço físico é privilegiado, são mais de 5.000 m² de área total e 1.500 m² de área verde ideal para crescer e se desenvolver.

Matrículas abertas 2022

Condição especial*
Autorização dos dados*
Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Telefone para Contato

(16) 3629-1912

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Segunda à Sexta das 07h às 18h.

Endereço

Av. Antônio Gomes da Silva Júnior, 251 – Parque Industrial Lagoinha, Ribeirão Preto – SP, 14095-040

Perguntas frequentes

Oferecemos dentro da grade curricular, OPEE ( empreendedorismo e Projeto de vida), Projeto de Leitura, e Inglês ampliado.

Maternal I e Maternal II de 12h40 às 17h10.

PréI e Pré II, 2°, 4° e 6° feira de 12h40 às 17h10.
3° e 5° feira de 12h40 às 18h.

Ensino Fundamental anos iniciais de 7h às 12h30 e de 12h40 às 18h.

Ensino Fundamental anos finais de 7h às 12h30.

Desenvolvemos nosso processo de ensino aprendizagem através do movimento operatório e metodologia ativa.

Neste período pandêmico estamos adotando o modelo presencial com opção de aulas on-line simultaneamente, de acordo com a necessidade da família.

A educação infantil tem seu espaço físico específico e reservado, com mobiliário e brinquedos adequados.
O ensino fundamental, tem horários diversificados obedecendo os Protocolos sanitários, focando no distanciamento, com estratégias de higienização no espaço físico onde lancham e nas salas de aula, conforme disponibilização com o deslocamento dos alunos.